Blog Dicas sobre fitness

Artes Marciais são ótima opção de atividade para a 3ª idade

Artes Marciais são ótima opção de atividade para a 3ª idade

18 de Janeiro de 2019

Quem disse que são apenas os mais jovens que podem praticar artes marciais? Essa atividade, além de recomendada para os jovens, é super indicada para os mais experientes, para a melhor fase da vida, a qual as pessoas finalmente podem se divertir, praticar atividades físicas e viajar muito.

Nessa fase da vida, a tendência de procurar academias aumenta, uma vez que, além de os idosos possuírem mais horários livres, os médicos fazem essa recomendação para garantir a saúde e melhor qualidade de vida. 

Por isso, reunimos neste texto alguns benefícios oferecidos pelas artes marciais aos idosos e selecionamos algumas modalidades, para que você possa orientar esse público quando procurarem pela sua academia.

Acompanhe!


Os principais benefícios


Equilíbrio

Além de ser um esporte divertido de se fazer, as artes marciais trazem equilíbrio para a vida de uma pessoa, tanto física quanto mentalmente, fazendo com que ela se torne mais feliz e se sinta, assim, satisfeita.

Os movimentos aprendidos e praticados garantem um trabalho de interação entre os movimentos e o cérebro que trazem esse equilíbrio e podem até mesmo prevenir doenças como Alzheimer. 


Atividade que traz bem-estar

Muitas vezes, o idoso não conta com uma programação em seu dia a dia que faça com que ele se sinta ativo. Por essa razão, as artes marciais são muito indicadas para a terceira idade, pois melhoram significativamente a sua rotina e faz as pessoas se sentirem mais vivas.


Força física e flexibilidade corporal

A arte marcial trabalha também a força física e garante maior flexibilidade e elasticidade ao corpo. O que é fundamental para a terceira idade, uma vez que sabemos que com o passar do tempo o corpo vai envelhecendo, fazendo com que fiquemos fracos. Logo, as artes marciais se apresentam como uma excelente opção nessa fase da vida, podendo ajudar com problemas de osteoporose.
Inclusive, entre as técnicas aprendidas, está a capacidade de aprender a cair sem machucar o corpo, o que é ótimo para a terceira idade, uma vez que algumas pessoas nessa fase podem ter a tendência de cair com mais facilidade. 


Melhora a respiração e a saúde mental

Além de trabalhar a força física e a flexibilidade corporal, essa atividade melhora a respiração do idoso e faz com a sua saúde mental esteja em plena forma.

Na terceira idade, muitas vezes o idoso pode desenvolver alguns problemas como a depressão. Assim, as artes marciais surgem como uma boa solução, já que qualquer atividade física produz substâncias responsáveis pela satisfação e felicidade, como a serotonina, além do que, essa atividade desenvolve a concentração e disciplina. 


Artes marciais mais indicadas para os idosos

Entre os diversos tipos de artes marciais, o Jiu-Jitsu e Muay Thai se apresentam como algumas das melhores opções para a melhor fase da vida.

À primeira vista, elas podem até parecer atividades que não são indicadas, pelo fato de que o corpo, nesta idade, estar mais frágil. No entanto, como já comentamos, as artes marciais fortalecem a mente e o corpo dos idosos, deixando-os capazes de praticar qualquer atividade, desde que orientados por um professor competente, que saiba ensiná-los no ritmo certo.

O Jiu-Jitsu e Muay Thai combatem a depressão, reduzindo o risco em até 80%, garantindo assim ao idoso não só bem-estar mental e físico, mas uma boa qualidade de vida e vontade de viver. Além desses, o aikido, kung fu, taci chi chuan e o caratê, também garantem vitalidade. 

Gostou deste texto? Esperamos que sim! Aproveite e leia outros artigos em nosso site para saber como orientar e informar os alunos da sua academia e atrair cada vez mais frequentadores!