Blog Dicas sobre fitness

Você sabia que o frio pode te ajudar a emagrecer?

Você sabia que o frio pode te ajudar a emagrecer?

11 de Junho de 2019

O inverno está chegando e, na imaginação popular, a estação é marcada pelo aumento do apetite e a preguiça de fazer exercícios físicos. Bem, essas consequências realmente são verdadeiras. 

O que provavelmente você não sabe é que, na verdade, o frio também carrega características que estimulam o emagrecimento. Parece contraditório, não? Quer entender como isso funciona? 

Vamos te explicar melhor ao longo desse texto: use essas informações para atrair mais alunos e deixar sua academia fervendo nesse inverno!


Razão científica


A principal explicação está no metabolismo. Quando o tempo está mais frio, as necessidades energéticas do organismo aumentam, porque é preciso produzir mais calor para manter uma temperatura corpórea adequada. Isto, na prática, significa uma maior queima de calorias (até 10% maior), o que contribui para o emagrecimento.

É preciso ter em mente que uma coisa não anula a outra. Sim, o apetite, de fato, costuma aumentar no inverno. Isso tem a ver especialmente com fatores psicológicos, como o chamado comportamento hedônico do consumo alimentar, que faz com que a tentação em ceder aos exageros dos quitutes aumente ainda mais.

Ademais, a baixa luminosidade típica dessa época também significa que a disposição em fazer atividades físicas diminui consideravelmente. Ceder a essas fraquezas físicas e alimentares resultam não apenas em gordurinhas indesejadas, mas também em doenças que se proliferam no inverno.

Onde queremos chegar? Simples. Como supracitado, o frio realmente cria as melhores condições para emagrecer porque o corpo trabalha com mais intensidade.

Mas se essa fosse a solução por si só, bastaria se trancar em um quarto com ar condicionado o dia inteiro para desfrutar dos benefícios. Obviamente, não é assim que funciona. No máximo, você vai conseguir um resfriado.


O que você pode fazer para aproveitar o frio


Para aproveitar as facilidades que o inverno oferece, também é preciso haver uma predisposição para não relaxar. Isso tem a ver, especialmente, com a manutenção de uma alimentação saudável e com uma rotina de exercícios físicos – sim, ela não pode parar.

A ingestão de frutas, legumes e verduras continua sendo determinante para a perda de peso. Mas vamos combinar, é provável que a salada perca o encanto nessa época do ano, certo?

Não tem problema. Que tal investir em sopas e caldos quentes? Afinal, esses preparos não apenas contêm esses alimentos, como também proporcionam saciedade. Porém, para que o processo dê resultados, lembre-se de evitar a adição de creme de leite, massas ou acompanhamentos como o pão francês.

O chocolate quente, tão aclamado no inverno, não está proibido. Mas dê preferência no preparo ao leite desnatado e aos achocolatados com os menores índices de gordura.

Melhor ainda é se você trocar o chocolate quente por um bom e saboroso chá. Nada mal, não é mesmo? Além de ser uma preparação quente, a bebida também facilita a queima de calorias. As possibilidades são diversas: chá verde, chá de gengibre, chá de erva-doce... A escolha é sua!

Por fim, dê um gás nas atividades físicas e não ceda definitivamente à preguiça. Treinos nessa época rendem muito mais, uma vez que não há aquele calor excessivo que tanto atrapalha e gera cansaço mais rapidamente. Aproveite! 

Pronto! Agora você sabe como o frio pode ser seu aliado no emagrecimento. Compartilhe esse post com os alunos da sua academia e os incentive a vencer a preguicinha do inverno!